Ismeraldo Pereira Sousa
"Que pode uma criatura senão, entre criaturas, amar?" Drummond
Capa Meu Diário Textos Áudios Fotos Perfil Livros à Venda Livro de Visitas Contato Links
Textos
SEMENTES DA INSPIRAÇÃO

Enquanto houver um ser vivo sequer,
enquanto houver um coração pulsando,
a Natureza na sua plenitude
a um só ser humano despertando;

Enquanto houver uma mulher,
um homem com sua sensibilidade,
com ocorrências de olhares fortuitos,
entre eles vivendo amabilidade;

Enquanto um olhar sugerir um riso,
enquanto lábios provocarem beijo,
corações pulsarem em disparadas,
entre os Homens convivendo o desejo,

inspirações sempre terão sementes,
corações pra elas serão sempre “humus”*,
os poetas proliferarão no mundo,
amor e alegria  serão em acúmulos.
*Solo rico
Ismeraldo Pereira
Enviado por Ismeraldo Pereira em 29/01/2020
Copyright © 2020. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Comentários
Capa Meu Diário Textos Áudios Fotos Perfil Livros à Venda Livro de Visitas Contato Links